[Review/Fanfic] LOONA – Colors

(ou A Saga do Loonaverso: Ato II, Capítulo 4)

Continuamos aqui no blog a megalomaníaca Saga do Loonaverso!!!! Depois do intervalo de uma semana para a playlist mensal de Março dar as caras, voltamos para a Lua, em mais um capítulo nesta epopeia digna de Sailor Moon!!

Que o trio do Círculo Bizarro do Olhos de o ar de sua graça!!!

Anteriormente em A Saga do Loonaverso… Tudo parecia prestes a ruir. O retorno do Loonaverso, um universo paralelo ao nosso, tal qual sonhado por HaSeul e sua equipe, estava prestes a ser obliterado com a série de discórdias que irromperam entre as doze garotas responsáveis por sua criação e destruição:

  • Heejin e Hyunjin, as irmãs wiccas, protegiam a desacordada Yves, a anja, dos ataques furiosos da androide Vivi, que teve sua programação alterada por HaSeul;
  • Choerry, desperta enquanto vampira, estava prestes entrar em um embate sangrento com Olivia, a anja demoníaca, e JinSoul, a sereia, do qual Yeojin e Kim Lip provavelmente não sairiam vivas;
  • E HaSeul, a fada da neve, estava prestes a iniciar uma disputa ferrenha com GoWon, a bruxa das dimensões, na qual Chuu seria a grande vítima.

Porém, quando tudo parecia perdido, Kim Lip toca em Yeojin, despertando suas memórias perdidas e seus poderes. Num movimento rápido, a garota dos sapos faz um feitiço que eleva todas as doze garotas ao céus… Rumo a Lua!

Sendo observadas por um ser enigmático, a Ruiva, que substituiu uma das doze fundadoras por uma espiã, Go Won e HaSeul não conseguem ajudar Chuu, que desaparece, sem deixar quaisquer rastros… Em outra parte da Lua, Yves é obrigada a dilacerar o corpo robótico de Vivi e, quando estava prestes a punir HaSeul por obrigá-la a ficar contra a androide, Yeojin e Olivia aparecem!

A paciência de Choerry estava se esgotando.

“Vamos acorda!”, ela agitava o corpo de sua companheira adormecida já com certa violência, “Acorda, caramba!”

“Desse jeito você vai acabar machucando ela!”, gritou JinSoul cruzando os braços em nítida reprovação.

“Não me enche!”, Choerry retrucou, com seus longos caninos a mostra, “Chuu precisa acordar! Nossa inimiga está se aproximando!”

JinSoul bufou. Não iria adiantar nada acordar Chuu machucando-a. Ela ainda devia estar muito fragilizada por causa da viagem. E ainda estava receosa que Choerry perdesse o controle novamente…

“Acalmem-se”, interrompeu Kim Lip, se colocando entre as duas, “discutir não vai adiantar de nada… Temos que nos tranquilizar e pensar na melhor forma de encontrar as outras“.

Quando chegaram na Lua, havia se dado conta de que tinham se separado de Yeojin e Olivia. Por sorte, ela conseguira acordar Kim Lip antes que Choerry despertasse e voltasse a ameaçá-las.

“As outras devem estar discutindo neste exato momento!”, disse JinSoul, certeira, “Discutir é pouco! Se Yves e HaSeul estiverem no mesmo recinto, elas vão tentar se matar…”

“Acho que você está sendo um pouco insensível”, Kim Lip retrucou.

Assim que Kim Lip acordara, foram instantes intermináveis de dúvida entre o que poderia ser feito. E, pra piorar a situação, haviam aterrissado na eterna faceta escura da Lua! Claramente não era um cenário de boa-venturança para as duas, ainda mais depois de Kim Lip ter acidentalmente destrancado os poderes escondidos de Yeojin.

“Insensível não é bem a palavra né? Já que ficamos separadas das outras… De novo!”, o grau de insatisfação na voz de JinSoul era palpável.

“Eu não entendi nada do que você disse”, disse Choerry, ainda sentada ao lado do corpo inconsciente de Chuu, “Mas não sei porque o estresse! Sou eu que tem de acordar a pirralhada pra podermos salvar o loonaverso…”, Kim Lip e JinSoul se entreolharam perguntando-se quando haviam determinado que a vampira era responsável por aquela tarefa.

Antes da vampira acordar, porém, depois que Kim Lip tocou sua testa, em uma tentativa apressada de repetir o que havia ocorrido com Yeojin, Choerry acordara completamente renovada, tendo não apenas cessado sua sede carnívora por sangue como também transmutado a cor de seus cabelos para um violeta cósmico.

Mesmo naquele contexto, Kim Lip não poderia afirmar que suas memórias haviam retornado. Ainda sentia-se perdida em meio aquelas duas garotas mágicas e super-poderosas. Contudo, observando a discussão entre uma espevitada Choerry e uma impaciente JinSoul, não pode conter um sentimento misterioso de nostalgia. E, claro, o fato da vampira e de Yeojin terem despertado unicamente a partir de seu toque, junto do Círculo Bizarro do Olho, devia a fazer mágica e super-poderosa, nem que fosse só um pouquinho…

Yves virou a cabeça lentamente, ainda perplexa com a ameaça de HaSeul. Conforme observava o esplendor brilhante da Princesa da Lua, sendo carregada por Olivia.

“Vocês estão sobre solo sagrado! Sobre nosso passado e nosso futuro!”, ela gritava, austera, “Não adianta tentarem ameaçar-se, o solo lunar é selado para que nossos poderes não afetem umas as outras”.

Yeojin havia voltado, completamente plena de sua origem e de suas memórias. Não tinha o que Yves fazer. Por mais que avançasse contra HaSeul, a protegida daquela fada estúpida iria aparecer. Esta percepção, porém, não impediu a anja de se vingar, nem mesmo que minimamente, da crueldade gélida de HaSeul.

“Vamos, Yves”, a fada dizia, com um sorriso no rosto, “solte-me… Yeojin já recuperou seu posto, já nos encontramos na Lua… Em instantes o loonaverso ressurgirá!”

Em um momento estático, em que Yeojin e Olivia apenas aguardavam a reação de Yves para agir, a anja surpreendentemente sorriu:

“Você fala demais”, e, com toda sua força celestial, arremessou HaSeul em direção ao espaço. Torcendo para a mesma aterrissar em um planeta longínquo como um meteoro antes de conseguir retornar.

Olivia, ante aquela cena, observou todo o caráter nobre de Yeojin desaparecer conforme a mesma começara a rir:

“Há! Há! Há! Há! Ela bem que mereceu esta!”

Ninguém ali entendeu nada. Yves passou a duvidar se, realmente, HaSeul era a criatura mais fria do loonaverso.

“Olivia?!”, uma voz, presa a terra gritou, olhando para os céus.

“Heejin?!”, Olivia respondeu, conforme passava a olhar para baixo e perceber a chegada das wiccas e da Bruxa das Dimensões ao local em que estavam.

“Que raio de risada foi essa?!”, Yves retrucou, cautelosa, “Ficou mais idiota ainda depois de ter seus poderes de volta?!”

Sorrindo, Yeojin, ergueu a mão direito e apontou para a anja. De seu dedo indicador, saiu uma fina e praticamente imperceptível linha vermelha, que percorreu rapidamente o espaço entre as duas até alcançar a testa de Yves.

“Digamos que sim…”, Yeojin respondeu conforme o corpo de Yves passava a queirmar.

Assustada, a anja mal teve tempo para expressar a súbita dor que invadira seu corpo. Mal o fogo começara, ele se esvaía, levando, consigo, Yves, que desaparecera em meio o horizonte lunar.


Apesar de parecer referenciar a sonoridade do LOONA/Odd Eye Circle, Colors, na verdade, passa longe do R&B e dreampop que marcou a unit, consistindo num número de dancehall melancólico com um breakdown de EDM. Neste sentido, é a faixa mais sem graça do XX, principalmente pelo desgaste que o gênero sofreu nos últimos anos e pelo refrão mais contigo não ter ajudado muito.

Além disso, os sintetizadores engoliram todos os vocais, com eles soando um pouco esfumaçados no mal sentido (parecendo mais algo em mono do que uma estética etérea), e o breakdown é completamente descolado do resto da faixa, dando esta impressão de estranheza até na coreografia.

Quanto a coreografia, diferente de Satellite, não tivemos nada que salvasse vidas ou desse uma nova roupagem para a música. Tirando a parte de interações de Yves + Chuu e HaSeul + Kim Lip, a sequência de passos foi infectada pelo caráter meio blasé da música e ficou mais parecendo algo insosso e desnecessário do que uma ideia legal.

Tecidas as devidas críticas, pelo menos, o nome da música deu uma brecha para eu poder introduzir o trio do Círculo Bizarro do Olho na fanfic. O que acharam das três agora que suas personalidades verdadeiramente despertaram??


E este foi o quarto capítulo do Ato II da Saga do Loonaverso!!! Onde estarão HaSeul e Yves?? O que Yeojin está fazendo?? E como Chuu pode salvar o Loonaverso da Ruiva??

Como pulamos uma semana, estou com a meta de postar o próximo capítulo/review, Where You At, o penúltimo deste arco, ainda nesta semana, antes do comeback do BTS xD!!!

O lançamento do BTS é importante porque o Aquário Hipster está desenvolvido uma fanfic inteiramente nova para esta nova fase deles, Map Of Soul, seguindo o mesmo esquema de um capítulo/review por música do álbum… Goste ou não goste do grupo, estão prontos para ver os sete garotos de Bagtan encararem suas Personas??

Estamos quase no fim deste Ato, veja mais capítulos da Saga do Loonaverso aqui no Aquário Hipster!!!

Ato II, Capítulo 1 – XX

Ato II, Capítulo 2 – satellite

Ato II, Capítulo 3 – Curiosity

Ato II, Capítulo 5 – Where you at

Ato II, Capítulo 6 – Butterfly

Ou confira os capítulos (e reviews) do Ato I da Saga e veja como as doze fundadoras se reencontraram depois da tragédia que destruiu o loonaverso!!!

Ato I, Prelúdio – Odd Eye Circle

Ato I, Capítulo 1 – Yves

Ato I, Capítulo 2 – Chuu

Ato I, Capítulo 3 – Go Won

Ato I, Capítulo 4 – Olivia Hye

Ato I, Capítulo 5 – yyxy

Ato I, Capítulo 6 – favOrite

Ato I, Capítulo Final – ++

3 comentários em “[Review/Fanfic] LOONA – Colors

  1. Wiccas, anjos, vampiras, bruxas, sereias… a saga do loonaverso é praticamente uma antologia mitológica. E isso não é ruim!

    Discordo respeitosamente da análise de Colors; acho ela mais forte que Curiosity – justamente pelo ar blasé dela. Mas pra mim, a verdadeira cereja nesse bolo delicioso que é o [X X] é Where you at, cuja resenha você ainda vai escrever… Arrisco dizer que, pra mim, Where you at talvez seja a melhor música que o LOONA já lançou até agora (e convenhamos que isso não é pouca coisa considerando a qualidade da discografia delas).

    Curtido por 1 pessoa

    1. “Wiccas, anjos, vampiras, bruxas, sereias… a saga do loonaverso é praticamente uma antologia mitológica. E isso não é ruim!” – confesso que foi difícil achar isso tudo de criatura mágica kkkk Valeu pelo elogio xD

      Fico feliz que discorde, ter opiniões diferentes é legal e cria um diálogo interessante com nossas próprias opiniões (teve algumas músicas que acabei mudando de opinião pelos comentários que já li aqui e em outros blogs)… E sobre Where you at… o post já tá no ar!!! xD (mas já adianto que gostei tbm kkk)

      Curtir

  2. Eu também discordo, Colors pra mim é a melhor música do mini as outras não são ruins mais também não são boas o suficiente pra eu colocar no repeat.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s