DUMDi DUMDi, (G)I-dle: Soyeon “se apropria culturalmente” do western

Existe uma certa piada/crítica em meio a figura da Soyeon que vem, até onde me lembro, da participação da gata no Queendom, onde houve menção de utilizar de “batidas africanas” por ela e pela Hwasa, que uma parte da fanbase ocidental caiu em cima, mencionando apropriação cultural e começando a pontuar vários momentos de apropriação dentro da indústria capopeira. Com as propagandas do novo single do grupo evocando o que poderia ser algo do tipo direcionado as populações indígena norte-americana, muita gente estava esperando (para o bem e para o mal) uma nova Yayaya pra meter o pau em cima:

E não poderíamos ter expectativas mais longe da realidade.

Dumdi Dumdi se apoia principalmente no reaggaeton com uma faixa sobre curtir o verão que ficaria perfeita para uma aula de zumba (se você já foi na SmartFit pegar sua parcela de coronavírus). No clipe, temos visuais bonitinhos com elas curtindo a vida que diverge COMPLETAMENTE da introdução aparentemente de historinha que temos no primeiro 1 minuto e meio. Talvez os críticos de plantão falem que os gritos no refrão sejam o esperado de apropriação cultural dos indígenas norte-americanos, mas, assim, depois de ficar mais de uma semana perdido e pra baixo em análises e análises de apropriação cultural, acho que o discurso reflete um lado perigoso de censura do que aparentemente é “politicamente correto” e da famosa “militância de twitter” se não for reproduzido com cuidado, com o grande perigo de ser uma caça às bruxas e silenciar as próprias minorias sociais que quer promover.

E a “bruxa” em questão é a Soyeon, então praticamente todo comeback delas vão tentar trazer alguma coisa à tona que, se fosse um ato masculino, provavelmente iriam pegar mais leve… Interessante, não?

Além do mais, sobre o que poderia ser uma “apropriação cultural” do western, como eu mencionei no título, já adianto que, pelo que eu li, isto simplesmente é impossível. Sim, temos toda a cenografia de faroeste típica de western, mas isto jamais poderá ser considerado apropriação cultural porque, assim como não tem racismo reverso, não tem como argumentarmos apropriação de cultural hegemônicas (ou seja, provindas das culturas brancas dos EUA e da Europa).

“Oras, mas por quê?”

Porque a reflexão que a apropriação cultural promove é justamente que o mercado capitalista ADORA produtos culturais que divergem do padrão branco eurocêntrico… se eles forem feitos por pessoas brancas eurocêntricas, deixando as populações da qual a cultura se originou à margem da indústria cultural. Ou seja, Katy Perry pode usar e abusar de vestimentas tradicionais chinesas em seus lançamentos, mas, se fosse uma chinesa ou uma descendente de chineses, o exato mesmo lançamento iria ser visto com maus olhos.

Passada esta discussão (e claramente não desmerecendo se alguém de uma das comunidades indígenas norte-americanas pontuar alguma ofensa, porque as pessoas das culturas apropriadas são JUSTAMENTE quem devemos escutar nas acusações de apropriação – este é todo o ponto do negócio todo @.@’), Dumdi Dumdi é uma tentativa mais oficial do grupo para o verão coreano e, sinceramente, apesar de não termos um reggaeton no primeiro escalão há um tempo, I’m the Trend consegue ser uma faixa de verão melhor e mais interessante para o (G)I-dle.

Acho que boa parte desta percepção se envolve na expectativa que o comeback gerou, seja de ser um pop viciante como Yayaya ou algo mais conceitual com uma história de faroeste, e não entregou. Pelo que percebi, tentaram agradar tanto os fãs de faforas e de fanfics com este comeback e, como resultado, claramente não conseguiram mostrar elementos suficientes para agradar nenhum dos dois…

G)I-DLE - DUMDi DUMDi (덤디덤디) Lyrics » Color Coded Lyrics ...

No fim, promovida a reflexão, eu vou é voltar a escutar I’m the Trend e dar streams pra comebacks mais interessantes de hoje. Acho meio estranha esta minha reação, porque eu curti todos os lançamentos delas (Senorita um pouco menos, mas ainda sim curti), então é capaz que a música grude subitamente na minha cabeça (como está acontecendo com Apple estes dias) e eu esteja rasgando ceda pra isto aqui no final do ano…


PS: Já passou um tempinho que isto explodiu na internet, mas é importante lembrar do que está ocorrendo com os protestos contra violência policial ocorrendo em vários lugares do mundo (inclusive aqui no Brasil). Percebi que é crucial neste momento procuramos nos informar e ajudar como puder (principalmente nos conscientizando sobre racismo). Não estou no meu lugar de fala aqui, mas estou dando o meu melhor para aprender a ser antirracista (é o mínimo do mínimo que posso fazer sobre tudo isso). Se você quiser/puder ajudar, clica aqui e dá uma olhada nos links do Black Lives Matter, compartilhando se possível. Em relação a conscientização, eu vi um vídeo muito bom falando sobre racismo para dar os primeiros passos para ter atitudes antes antirracistas, clica aqui pra dar uma olhada. Muito obrigado por ler o post até aqui!

4 comentários em “DUMDi DUMDi, (G)I-dle: Soyeon “se apropria culturalmente” do western

  1. Apple foi um plot na minha playlist… vi que muita gente passou por esse “vício súbito”.

    No começo n curti Dumbi Dumbi, achei sem graça e n conseguia acompanhar e entender a estrutura da música… ai depois tudo foi por água abaixo e eu já tava fazendo o “tamborzinho tamborzinho” das (G) idle
    (Sou extremamente viciadas em coreografias, infelismente elas influenciam muito na minha opinião sobre a música✌)

    Adoro seu blog, um dos melhores😊😊 (sou nova aqui, pretendo marcar presença nas próximas poatagens😁

    Curtido por 1 pessoa

    1. Siiim, Apple é aquele tipo de música que vai te conquistando aos poucos… Um replay de cada vez…
      Kkkkk Acontece, as vezes a gente senta o pau só pra exaltar depois (nossa, pra coreografias eu sou bem x kk Geralmente o que me impacta mais são os takes mais amplos ou de carão)

      Muito obrigado pelo elogio e pelo carinho 💖 Fico bem feliz que tenha gostado xD

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s