Still 2gether EP.4: Um anime de esporte com bons figurinos | BL Review

Faz uns cinco dias que estou em batalha com meu Windows. Pra tentar consertar, isto já me esgotou física e mentalmente de uma forma que nem sei como explicar, então ver o quarto episódio de Still 2gether foi como uma brisa de ar fresco pra me acalmar um pouco (e escrever a review também, porque a batalha continua @.@’)… Vamos lá?

É nítida uma melhora na progressão do enredo do episódio anterior para este. Eu não esperava que eles fossem mostrar o lado do Wat nas duas semanas de acampamento, apesar de isto fazer todo o sentido. Afinal, ele tinha prometido que ia ligar sempre e, no fim, deu uma sumida.

Acho que, referente ao casal principal, conseguiram progredir sem piorar os erros do episódio três. O dramalhão do Tine ganhou um pouco mais contexto e fez muito mais sentido ao ser contraposto com a reação do Sarawat. A forma como ele foi lentamente ficando deprê e as referências que ele faz a relacionamentos a longa distância deixou todos os sentimentos muito menos exagerados no final. É fácil de se identificar com menções a relacionamentos à distância nesta época de isolamento social e a série conseguiu se utilizar disto bem até.

Tirar o enfoque do Tine deu um aspecto novo ao enredo, promovendo, inclusive, a participação da Earn como confidente do Sarawat, o que fez total sentido e deu uma utilidade pra esta ótima personagem na trama sem soar forçado. Além disto, o papel do Dim como tirano do grupo foi bem pensado, significando que a relação dele com o Green realmente foi pensada pra ocupar os holofotes no final da trama (até porque esta é uma das únicas pontas soltas depois deste episódio).

Relembrando o que aconteceu com SarawatTine nas últimas semanas, fico bem feliz que o enfoque eu tô escrevendo aqui desde o episódio 2 sobre o Dim e o Green tá realmente sendo levado a sério na trama e realmente a afeminada tá tendo seu casal sendo tratado direito num BL! Sucesso!

A tensão entre os dois é uma das coisas mais naturais da trama como um todo (2gether e Still 2gether), sério. Sei que não vai acontecer, mas se tivéssemos um BL com os dois atores (ou com personagens que compartilham esta dinâmica) ia ser MUITO LEGAL, sério. Na espera do último episódio encerrar isto com chave de ouro xD

Ainda durante o acampamento, a tentativa do Sarawat de ver o Tine foi meio fofinha e meio caricata, mas perdoo tranquilamente, considerando que FINALMENTE TIVEMOS UMA CENA QUE FALA ABERTAMENTE DE ORIENTAÇÃO SEXUAL. Quando Earn pergunta para Sarawat sobre a confiança dele em se expressar como gosta do Tine e tudo mais, ainda mencionando o fato que mesmo gostando de garotas (se isto foi hipotético ou não, não dá pra ter certeza), temos um mínimo de reflexão sobre os medos de se assumir e isto clicou na minha cabeça que TODO O CARÁTER RESERVADO DO SARAWAT E DO TINE PODE SER POR CAUSA DISSO.

Ok, ok. Ainda é meio estranho, mas ficou mais palatável pra mim depois que pensei nisso.

De toda forma, a Earn foi ganhando um foco merecido neste episódio e pode ser muito bem a versão da “sabedoria do Fong” para o lado do Sarawat…

E não é que tão pra juntar os dois?

Nada contra colocarem mais um par na trama (o que é ótimo, porque deixa os dois com um pouco de utilidade pro enredo), mas foi muito em cima da hora e feito de uma forma muito abrupta, mais abrupta ainda que Mil e Phukong. Pensa bem, comparando com a lentidão orgânica que está acontecendo entre o Boss e a Pear, nem conseguimos torcer para o casal ficar junto, porque a trama nem dá tempo pra isso… Vamos ver como eles vão acabar…

Durante o famigerado festival, foi interessante ver todo este caráter de “anime de esporte” foi elaborado, tanto no jogo de futebol quanto no festival de música (com a excitação de ambos os grupos em ganhar a competição). As piadas referenciais à série principal estão lá com o Man e o Boss, tivemos uma boa evolução do personagem do Tine aceitando suas responsabilidades, o corte de edição no clímax do pênalti do Man foi PERFEITO pro ritmo da estória, Pear continuou exalando beleza carismática e risos involuntários pra manter a tensão romântica, e os figurinos da Ctrl+S ficaram ÓTIMOS.

Provavelmente é porque estudo um pouco de design de personagens, mas uma coisa que sempre me irrita nos BLs tailandeses é que, com a desculpa de que tudo se passa na universidade, NENHUM personagem tem um estilo de roupa definido, mínimo que seja. No máximo alguma coisa marcante aqui ou ali, mas é sempre o velho combo de camisa + calça social. Ao se apresentarem no festival, Sarawat, Earn e os avulsos se vestem de uma forma que realmente comunica o estilo dos personagens (uns roqueiros indies que passam uma vibe de bad girls/boys meio tranquilões). É um tipo de comunicação visual que transcende qualquer explicação e ajuda muito a dar tridimensionalidade aos personagens.

Em um lado negativo, porém, a participação do Type no episódio foi bem desnecessária (foi fofinho e tals, mas poderia só ter mostrado o Man falando com ele sobre a camisa e a medalha sem o conflitinho) e MilPhukong ainda não convence tanto, mas a química dos atores dá uma salvada. Provavelmente eu vou dar uma chance pro dorama que eles protagonizam só pra ver eles se desenvolverem como casal de uma forma menos corrida…

Este sorriso é TÃO fofinho ❤

Neste episódio aconteceu o fim da trama do casal principal e, no que consta SarawatTine, só teremos o denouement (aquela parte do finalzinho das tramas que mostram os protagonistas vivendo depois do conflito acabar). De resto, eles farão um episódio na praia (típico… Tava até faltando um episódio destes na praia, considerando a paixão das produtoras da GMM e da Line TV por cenários litorâneos) para resolver o clímax de DimGreen, a tensão sobre a descoberta do namoro de Mil e Phukong pelo Sarawat e juntar os dois casais héteros do rolê.

No fim, não chega a ser um episódio tão bom quanto os dois primeiros, mas consegue alcançar as expectativas e ser bem divertido e açucarado, algo que eu definitivamente precisava neste estresse de tentar consertar o meu Windows…

Só é uma pena que já vai acabar né… T.T


PS: Dá uma conferida nas reviews dos outros episódios de Still 2gether:

Still 2gether EP.1: Consertaram o personagem do Sarawat?

Still 2gether EP.2: Passivos VS Ativos

Still 2gether EP.3: A primeira derrapada… De novo!

Still 2gether EP. Final: Encerramentos desconexos, beijos e fanservice

O Aquário Hipster também tem Twitter!! Segue lá se quiser acompanhar indicações e comentários aleatórios de k-pop, BL e uns desenhos: @AquarioHipster

4 comentários em “Still 2gether EP.4: Um anime de esporte com bons figurinos | BL Review

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s