Popping, ONF: O Single de Verão Mais Triste do Ano…

Se alguém teve um ano cheio e impactante, esse alguém foi o ONF. Com a WM FOCADA em fazê-los acontecer de QUALQUER JEITO, eles tiveram três singles e um full album, com direito a repack e duas album tracks ÓTIMAS. Por mim, eles já estavam com o ano feito, a marca estabelecida e iriam receber um devido descanso… Mas não foi isto que a WM queria pra eles, então, que venha o single de verão com Popping…

O QUE FOI ISTO?! Sentimentos mistos… Muitos sentimentos mistos…

Na melodia, eles trouxeram o que todo mundo que acompanha um pouco eles imaginaria: um popzinho leve e dançante, com inspirações em tropical house, tal qual qualquer um dos hits do Oh My Girl (que é da mesma empresa), desde o ano passado. E, como esperado, a música é melhor que as do Oh My Girl, por ter uma estrutura mais explosiva (principalmente no coro em inglês que aparece no começo e no fim da faixa…).

O refrão genérico é melhorado pela forma como os versos são construídos, numa riqueza de elementos de disco e synthpop digna da maravilhosa Beautiful Beautiful que eles desovaram mais cedo este ano (a base deve ser a mesma, porque alguns elementos das faixas são bem parecidos). A forma como a faixa é construída trás um caráter cada vez mais energético conforme o refrão se repete. Quando o coro em inglês se repete ao final da faixa, de uma forma bem mais aguda e frenética, consolida uma sensação de crescimento de tempo e elementos no decorrer da faixa.

Ou seja, ela vai a algum lugar melodicamente, algo que não acontece com as músicas do Oh My Girl há um tempo…

Até aí tudo bem… Mas o clipe… MINHA NOSSA, QUE CLIPE FOI ESSE?!

Vamos lá… Um dos pontos que mais me impressionou no direcionamento artístico do grupo este ano foi a forma super fiel (e escorrendo orçamento) que eles decidiram retratar o conceito cyberpunk (eu discorro bastante sobre isso na Album Review que fiz deles, se tiver ficado com curiosidade 👀). Estava virando os olhos porque não imaginava que eles iam continuar com a estética e narrativa cyberpunk pra um lançamento de verão e, bem… ELES CONTINUARAM!

Popping parece tratar de um momento após Beautiful Beautiful e Ugly Dance. Apesar dos cortes de coreografia serem um pouco destoantes do caráter mais narrativo do clipe, a caracterização deles segue a mesma estética que os anteriores, sem contar toda a parafernália cibernética e as referências ao sci-fi (em vários momentos do clipe ele referência 2001: Odisseia no Espaço). E, mais do que isto, temos uma estória sendo contada aqui que bate muito bem com o que vimos nos clipes anteriores…

Quando vimos eles neste cenário, o ONF atuava como um grupo de rebeldes contra um governo totalitário. Eles eram perseguidos por autômatos (os mesmos que aparecem aqui) nos mais diversos cenários, sugerindo que o grupo estava tentando hackear alguma coisa do governo ou algo do tipo.

Agora, neste clipe, temos um clima meio estranho. Eles parecem estar continuando suas atividades de sua base, que, ao que dá a entender, fica numa base espacial com sede num deserto de gelo. Tá tudo bom, tá tudo bem… até todos MORREREM no final!

Conversando com um migo meu sobre, ele me disse que a razão pra isto é que um deles (o de cabelo laranja curto) deu uma de judas e dedou a localização e os planos da resistência pro governo. Isto faz um baita de um sentido, porque ele manda o de roupa azul pra um compartimento, trancando ele com os autômatos. Sem contar que ele é o único que sobrevive conforme todos aparecem mortos no cenário da base destruída…

Ou será que não?

O que dá a entender é que teve esse judas mesmo, mas um deles conseguiu escapar (o que estava com roupa de astronauta no deserto de gelo), junto de uma câmera analógica (só coisas analógicas atravessariam a censura do governo) com as memórias do grupo.

Neste sentido, toda a música é meio que um ode agridoce a estas memórias, onde existia a união dentro da resistência em busca de um futuro melhor. A cena em que todos eles estão sentados olhando em círculo para a projeção holográfica passa muito esta impressão… É como se eles soubessem que não seria possível manter todos unidos por muito tempo e perdoassem o judas por sua traição (afinal tudo é uma questão contextual). Perceba o conteúdo do coro em inglês que aparece no começo e no fim da faixa:

“Você aí, você aí

Não cante mais músicas tristes

Se aproxime, se aproxime

Consegue sentir? O verão está chegando

Vão nos divertir, vamos nos divertir

Me deixe cantar uma música sobre amor

Ei, querido, ei querido

Consegue sentir? O verão está chegando!”

Sério? Olha a bad vibe disto aqui! Lembrei da clássica cena da morte da Baleia de Vidas Secas, que é descrita com uma analogia doce de encontrar um campo verdejante onde ela poderia caçar (se não leu, leia! É muito bom). O “verão” pode assumir este caráter de partida para um lugar melhor, longe da sociedade distópica, para onde os membros partem depois da traição e destruição completa da resistência pelo governo.

E TUDO ISTO EM UM SINGLEZINHO DE VERÃO!

Eu estou um pouco chocado. Eu não esperava este tipo de narrativa e conceito em um projeto que se vende como algo sazonal descompromissado (tanto que mais da metade das album tracks tem “summer” no nome kkkk) e, no fim, eu gostei. Foi corajoso, foi bem feito, manteve uma identidade visual pro grupo e se destacou de todos os outros lançamentos de verão do ano.

Quanto ao álbum, aos sedentos por uma nova The Realist ou My Genesis, infelizmente, não temos nenhuma faixa desse calibre na tracklist. A mais impressionante e memorável pra mim foi Summer End, que deu toda uma personalidade pra baladinha de final de álbum, entremeando os versos e o refrão com um tecladinho tocado com força. É uma faixa que combina muito bem com as melhores que o grupo lançou nesse ano e, sinceramente, funciona como uma boa album track pra fechar os lançamentos cyberpunk do ONF.

Combag' ONF 'POPPING' cover for the first time, I expect a famous song Good  restaurant

Popping foi uma investida bem mais arriscada e interessante do que o prometido. Se tem boybands em que só queríamos que pegassem um pouco leve e só entregassem um popzinho comum (cof cof The Boyz cof cof), tem outras que só esperamos que as direções de arte continuem mais doidas e com carta branca do financeiro das empresas. ONF conseguiu não só entregar uma faixa alegre para marcar presença no verão coreano, como propôs uma forma completamente diferente de se interpretar ela através de seu clipe narrativo. Não é a melhor deles do ano, mas, sem dúvida, é um ótimo follow-up para tudo que o grupo vem entregando visualmente e sonoramente em 2021…

Watch: ONF Enjoys A “Popping” Summer In Fun Comeback MV | Soompi

O Aquário Hipster também tem Twitter!! Segue lá se quiser acompanhar comentários aleatórios de k-pop e BLs, e tweets ocasionais comigo postando meus desenhos e pinturas: @AquarioHipster

2 comentários em “Popping, ONF: O Single de Verão Mais Triste do Ano…

  1. Ai tava ansioso para seu post!! Ai eu tanto que eu gostei dessa musica ( mas admito ter gostado mais do theboyz), o MV é incrivel e eu fiquei chocado que a WM seguro firme toda a teoria cyberpunk sera que acabou? Ou eles vão tentar fazer mais alguma coisa? Pq sei lá talvez eles não tenha morrido no final :v , mas admito que prefiro a ideia q eles morreram kkkkkk ( q mórbido dizer isso ) de qualquer forma eles subiram muito no meu conceito depois de tanta musica boa!! The Realist eu escuto quase todos os dias kkkkk

    Curtido por 2 pessoas

    1. Migoo, saiba que deu mó gás pra escrever depois que você me disse que tava ansioso pra ver o post xD!!!!

      Eu queria que acabasse assim também (meio mórbido, mas tá um final tão certinho que dá medo de estragar kk), dá pra usar isso como ponte pra mudança de conceito ou, sei lá, inventar que foi uma trilogia (mas se eles continuarem também ia ter uma identidade visual bem surpreendente pra um grupo de kpop que não é super consolidado)

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s